Nina Rodrigues, Chapadinha e São Benedito do Rio Preto estão entre as 20 cidades com menor percentual de vacinação contra a COVID-19 no MA

Nina Rodrigues aplicou apenas 70,65% das doses recebidas, Chapadinha 70,46% e São Benedito do Rio Preto 68,91%.

De acordo com levantamento feito pelo titular do blog no domingo (25), com base nos dados atualizados pela Secretaria de Estado de Saúde do Maranhão às 17h, disponível no painel COVID-19 no Maranhão (acesse aqui), as cidades de Nina Rodrigues, Chapadinha e São Benedito estão entre as 20 cidades do estado que apresentam os piores índices na imunização contra a COVID-19.

Na Unidade Regional de Itapecuru-Mirim, Nina Rodrigues, de um total de 1.707 doses recebidas pelo município, apenas 1.206 doses foram utilizadas para a imunização da população, em termos percentuais isso corresponde a 70,65%, ficando atrás apenas dos municípios de São Benedito do Rio Preto e Matões do Norte que aplicaram 68,91% e 59,15% das doses recebidas, respectivamente.


Boletim de vacinação da UR Itapecuru-Mirim


Dentre as 19 UR's distribuídas em todo o estado, a UR de Chapadinha está entre as que apresentam os números mais baixos, de acordo com o painel COVID-19, a UR de Chapadinha que é composta por 13 municípios, tem um total de 75,37% dos imunizantes já aplicados na população, ficando atrás apenas da regional de Barra do Corda com 74,53%. A regional de Chapadinha também ainda consegue ter outro destaque negativo, das 13 cidades que compõem a UR Chapadinha, 6 estão presentes no ranking das 20 cidades com menor percentual de vacinação, sendo elas: Araioses, Anapurus, Chapadinha, Magalhães de Almeida, Santana do Maranhão e Tutóia. 




A vacinação é um dos passos a serem dados para frear a pandemia do novo coronavírus, e conforme tabela acima, as cidades de Nina Rodrigues, Chapadinha e São Benedito do Rio Preto, ainda tem muito a melhorar nesse quesito, as campanhas de vacinação e conscientização da população em todas as cidades acima é algo a ser intensificado pelas autoridades de saúde. 

Postar um comentário

0 Comentários